Brumas


"...ô,ô seu moço do disco voador me leve com você pra onde você for..."  -  Raul Seixas

 

MERGULHO

 

me ensinaste que de pára-quedas

não se pula

se salta

 

: pois salto eu

queda livre em tua vida

a devorar cada segundo

da felicidade que me arrebata

antes da inevitável (in)certeza

do pouso

 

(isabella benicio)



Escrito por Isabella Benicio às 12h03
[ ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Meu perfil





BRASIL, Sudeste, Mulher, de 36 a 45 anos



Histórico


Outros sites
 Balaio Porreta 1986 - Moacy Cirne
 Banga
 Barlavento - Baby
 De propósito - Manuel
 Falares - Saramar
 FDR - Fabio Danesi Rossi
 Impura Poesia - Valéria Tarelho
 in the meadow - Silvia Chueire
 Não Discuto - Ticcia
 Pena e Poesia - Luiz de Aquino
 Poeminhas para matar o tempo e distrair dor de dente - Diovvani Mendonça
 Poesia Sim - Lau Siqueira
 Ponto Gê - Geórgia
 Registros - Maria Claudia
 Vieira Calado - Poesias